Eugen Bertholt Friedrich Brecht nasceu em 10 de fevereiro de 1898 em Augsburg, na antiga Alemanha Oriental. Desde muito cedo manifestou interesse por literatura e, aos 16 anos, escreveu seu primeiro texto para publicação em um jornal local. Ainda jovem, decidiu engrossar as fileiras do Partido Independente Socialista, afeiçoado que era, também, pelos debates políticos de sua época.

Seus trabalhos, sobretudo no campo do teatro, tiveram enorme repercussão e influenciaram bastante, de lá pra cá, inúmeros artistas. Nós da Revista Pensar Contemporâneo não poderíamos deixar de prestar a esse grandioso poeta e dramaturgo a nossa homenagem.

Segue abaixo um dos seus mais belos poemas, declamado por Antônio Abujamra: Nada é impossível de mudar!

Nada é impossível de mudar

Desconfiai do mais trivial, na aparência singelo.
E examinai, sobretudo, o que parece habitual.
Suplicamos expressamente: não aceiteis o que é de hábito como coisa natural, pois em tempo de desordem sangrenta, de confusão organizada, de arbitrariedade consciente, de humanidade desumanizada, nada deve parecer natural nada deve parecer impossível de mudar.

Bertolt Brecht

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Pensar Contemporâneo
Um espaço destinado a registrar e difundir o pensar dos nossos dias.

COMENTÁRIOS