Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho nasceu em Maranguape, no interior do Ceará, em 12 de abril de 1931 e ainda criança veio com a sua família morar no Rio de Janeiro. Chico Anysio, como era conhecido, tornou-se um artista completo. Foi escritor, roteirista, diretor, ator, humorista e teve uma longa carreira, repleta de sucesso e reconhecimento popular.

Internado desde o final de 2011 por conta de um quadro de hemorragia digestiva, Chico permaneceu no Hospital Samaritano do Rio de Janeiro por mais de três meses, e morreu no dia 23 de março de 2012 de falência múltipla dos órgãos.

Nesta entrevista, a última dada pelo ator, Chico relembra momentos marcantes de sua biografia. Nas suas palavras, “O humor é irmão da poesia. O humor é quem denuncia. Eu não tenho possibilidade de consertar nada, mas eu tenho a obrigação de denunciar tudo, porque essa é a obrigação primeira do humorista”.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Pensar Contemporâneo
Um espaço destinado a registrar e difundir o pensar dos nossos dias.

COMENTÁRIOS