Seja de alegria, revolta ou tristeza, estes filmes vão te arrancar algumas lágrimas… e tudo bem, pode chorar sem culpa nenhuma!

 

1. Toy Story 3 (2010)

Mesmo sendo conhecido como um filme de sucesso infantil, este tem uma aura bastante diferente das outras produções da franquia Toy Story.

Andy cresceu e vai para a faculdade e terá que se livrar de todos os seus brinquedos, incluindo Woody, o seu maior parceiro durante toda a infância.

Ao tocar em temas sensíveis como as despedidas, o perdão e o poder da amizade, Toy Story 3 já arrancou (e ainda arranca) lágrimas de muitos marmanjões!

2. Histórias Cruzadas (2011)

Baseado no romance homônimo de Kathryn Stockett, este filme vai te fazer chorar por mostrar que no meio de tanta ignorância e preconceito, também existem pessoas obstinadas a lutar pela paz e felicidade de todos, independente da sua cor de pele!

As personagens de Viola Davis, Emma Stone, Octavia Spencer e Jessica Chastain vão fazer com que os seus olhos fiquem constantemente úmidos ao longo de todo o filme.

3. A Vida é Bela (1997)

A receita perfeita para um filme que te faça chorar como um bebê? Segunda Guerra Mundial e criança presa num campo de extermínio horrível, enquanto o seu pai faz de tudo para que o filho ainda acredite que a vida é na verdade um lugar cheio de alegrias, felicidade e otimismo.

4. Meu Primeiro Amor (1991)

Um sucesso da Sessão da Tarde e que fez muita gente ir do riso ao choro em questão de minutos. É impossível não derramar algumas lágrimas quando Vada (Anna Chlumsky) tem que encarar a morte (que ela tanto abomina) e ir ao funeral do Thomas (Macaulay Culkin) para se despedir de seu melhor amigo.

5. O Menino do Pijama Listrado (2008)

Baseado no livro homônimo de John Boyne, este é outro filme que tem como pano de fundo a Segunda Guerra Mundial e que já fez muita gente chorar, principalmente por abordar o Holocausto do ponto de vista de uma criança de apenas 8 anos de idade.

6. Central do Brasil (1998)

Central do Brasil é uma obra-prima do cinema brasileiro. Ganhador de inúmeros prêmios, este filme narra a história de Dora e sua incansável busca pela família de Josué, um menino que perde a sua mãe num trágico acidente na estação da Central do Brasil.

Em vários momentos do filme, principalmente naqueles em que Dora e Josué conseguem encontrar a alegria nos pequenos detalhes, é difícil não se deixar emocionar.

7. P.S. Eu Te Amo (2007)

Este filme é uma chuva de lágrimas, principalmente para quem já experimentou o verdadeiro amor ou teve que vê-lo partir…

Cada carta deixada por Gerry (Gerard Butler) para sua amada Holly (Hilary Swank) era motivo para afirmarmos como o amor pode superar tudo, inclusive a morte. Lindo!

8. Sempre ao Seu Lado (2009)

Esta é a história de Parker Wilson (Richard Gere) e seu fiel e leal amigo canino, que sempre acompanhou o dono até a estação de trem e ficava todos os dias esperando no mesmo local até que ele voltasse.

O choro começa quando Parker nunca mais regressa, mas a perseverança e lealdade de seu cão é tão grande que ele permanece a espera do dono no mesmo local por todos os dias de sua vida…

9. A Cor Púrpura (1985)

Acompanhamos a triste, revoltante e bonita história de Celie (Whoopi Goldberg), uma garota afrodescendente que vive no sul dos Estados Unidos no começo do século XX, numa época marcada pela intensa degradação e preconceito contra os negros.

Alvo dos mais diversos tipos de abusos e humilhações, Celie nunca perdeu a esperança em reencontrar a sua irmã e de ser feliz.

Baseado no romance de Alice Walker, A Cor Púrpura é uma das obras mais impactantes sobre a discriminação racial e sexual, principalmente contra as mulheres.

10. A Lista de Schindler (1993)

É impossível não se emocionar com os filmes que falam da Segunda Guerra Mundial, em especial sobre o terrível Holocausto, que matou milhões de pessoas em toda a Europa…

As cenas de violência contra a vida de homens, mulheres e crianças nos campos de concentração nazistas são de tirar a paz de qualquer pessoa que assiste a este filme. Mas, os momentos que vão te fazer chorar são aqueles que mostram que no meio de tanta brutalidade e falta de amor, ainda existem pessoas que colocam a vida humana acima de qualquer outra coisa. Este é o caso de Schindler, que gastou toda a sua fortuna e desafiou o sistema nazi para salvar a vida de mais de mil judeus do destino fatídico que teriam nos campos de extermínio.

 

Fonte: Pensador

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Pensar Contemporâneo
Um espaço destinado a registrar e difundir o pensar dos nossos dias.

COMENTÁRIOS