A plataforma comprou os direitos da obra que foi lançada pela primeira vez em 1967.

“Cem Anos de Solidão”, um dos clássicos de Gabriel Garcia Márquez, vai ser transformado em série pela Netflix. O canal de streaming comprou os direitos da obra do autor colombiano que morreu em 2014. Foi traduzido em em 46 línguas e vendeu mais de 50 milhões de cópias desde que foi lançado, em 1967.

Até ao momento da sua morte, o autor tinha-se recusado a vender os direitos de adaptação de Cem Anos de Solidão porque achava que nenhum filme ou série fariam jus à qualidade da obra.

Segundo a revista “Variety”, o novo projeto da Netflix vai ser falado em espanhol, que é a língua original do livro. Os filhos do prêmio Nobel da literatura de 1972, Rodrigo Garcia e Gonzalo García Barcha, serão os produtores executivos. Grande parte das filmagens vão decorrer na Colômbia.

“Durante décadas o nosso pai ficou relutante em vender os direitos de “Cem Anos de Solidão” pois acreditava que a obra não poderia ser feita no período de um filme ou ser produzido numa língua diferente do espanhol”, explicou Rodrigo García.

O valor dos direitos não foi revelado, nem se sabem mais pormenores sobre os atores ou data de estreia do projeto.

O anúncio foi feito no dia em que o escritor completaria 92 anos.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Pensar Contemporâneo
Um espaço destinado a registrar e difundir o pensar dos nossos dias.