Mesmo os melhores relacionamentos têm seus altos e baixos. Existem divergências, tensões e períodos em que você só precisa de um pouco mais de espaço um do outro. Mas pode chegar um momento em que você se pergunte se as dificuldades são sinais de que esse relacionamento é totalmente doentio ou simplesmente não é o relacionamento certo para você.

Aqui estão 7 sinais de que pode ser hora de você seguir em frente:

1. Você fica infeliz quando está junto. As pessoas geralmente querem se sentir felizes, amorosas, seguras, apoiadas e emocionalmente seguras em seus relacionamentos. Se você não consegue controlar nenhuma dessas emoções ou não tem o suficiente do que é importante para você, preste atenção. Para desfrutar do relacionamento que deseja ter, você precisará trabalhar em seu relacionamento atual ou se libertar para permitir essa possibilidade.

2. Seu parceiro age de maneiras que o controlam ou fazem com que você se sinta mal consigo mesmo. Em relacionamentos saudáveis, os parceiros às vezes acomodam as necessidades, desejos e preferências um do outro. Claro, algumas pessoas são menos complacentes do que outras. Porém, quando seu parceiro o desvaloriza e o deixa desrespeitado, você se sentirá pior consigo mesmo por estar no relacionamento. Embora possa haver coisas de que você realmente goste ou admire em seu parceiro, seu relacionamento não pode ser feliz a longo prazo.

Além disso, se seu parceiro exerce poder sobre você controlando suas finanças, isolando-o da família e dos amigos e sendo emocional ou fisicamente ameaçador, é provável que você esteja em um relacionamento abusivo. Procure a ajuda de familiares, amigos ou profissionais. Você sempre pode entrar em contato com a Linha Direta Nacional de Violência Doméstica pelo telefone 800-799-7233.

3. Você não se sente emocionalmente seguro. Muitas pessoas estão em relacionamentos que de forma alguma são abusivos, mas ainda se sentem emocionalmente inseguras. Eles se sentem magoados com as provocações do parceiro. Ou o parceiro pode não querer ouvir muito sobre seus pensamentos, sentimentos ou experiências e pode ser insensível às lutas pessoais. Seja qual for o motivo, se você sentir que precisa se proteger de seu parceiro que está machucando você, há um problema sério em seu relacionamento.

4. Você não se sente apoiado para crescer e se desenvolver. Relacionamentos saudáveis ​​oferecem aos parceiros uma sensação de carinho. Os parceiros se sentem apoiados e encorajados a explorar seus interesses e valores. O relacionamento deles os ajuda a se tornarem uma versão mais realizada e feliz de si mesmos. Reflita seriamente sobre seu relacionamento. Se estiver impedindo seu crescimento pessoal ou simplesmente não o apoiar ou encorajar, considere o que você deseja fazer para lidar com o déficit.

5. Você e seu parceiro têm necessidades de compromisso diferentes. Para que os relacionamentos tenham sucesso, ambos os parceiros precisam estar na mesma página no que diz respeito ao que desejam de um relacionamento. Se você deseja um relacionamento monogâmico e comprometido, e seu parceiro adota um estilo de vida polimorfo, então suas necessidades podem ser tão diferentes que não há como eliminar a diferença. A honestidade nessa área pode poupar muita dor de cabeça.

6. Sua comunicação é ruim. Esse problema pode aparecer como conflito, tensão e mal-entendidos frequentes. Ou você pode se comunicar muito pouco, experimentando um vazio entre vocês. Dado que a comunicação é a principal forma de os parceiros administrarem tarefas juntos e se conectarem emocionalmente, você precisa lidar com esses problemas para que seu relacionamento seja forte.

7. A desonestidade é um assassino de relacionamento. A infidelidade e a desonestidade de qualquer outra forma significativa podem destruir a confiança em um relacionamento. Se ambos os parceiros desejam ressuscitar o relacionamento, a desconfiança que isso causa precisa ser tratada com seriedade. Isso geralmente requer terapia de casal.

Todos os parceiros podem se beneficiar da avaliação periódica da saúde de seu relacionamento. Se você perceber que seu relacionamento é saudável, destacá-lo em sua mente – e compartilhá-lo com seu parceiro – pode ser encorajador. Se você reconhece os problemas, você se coloca na posição de poder fortalecer seu relacionamento. Ou você pode decidir que precisa encerrá-lo. A escolha é sua.

Por Leslie Becker-Phelps, psicóloga – WebMD

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Pensar Contemporâneo
Um espaço destinado a registrar e difundir o pensar dos nossos dias.