Declarações de Daniel Alves sobre a morte do zagueiro Davide Astori, causou um furor na imprensa italiana. Em entrevista coletiva, quando perguntado sobre a fatalidade, o brasileiro disse “milhares de crianças morrem e não tem a mesma repercurssão”.

O jornal “Tuttosport” disse que Daniel mostrou pouca elegância e um cinismo gelado, por responder na entrevista “nós não ficamos tão pertubados, porque não o conhecemos muito”, falando pela equipe.

Outro veículo da imprensa italiana que se incomodou com a postura do brasileiro foi o “Gazzetta dello Sport“, que o classificou de “frio e indiferente”.

Logo a fala do jogador brasileiro se tornou um dos assuntos mais comentados no Twitter.

Astori foi encontrado morto num quarto da concentração da Fiorentina no ultimo domingo, dia 4. Asinformações passadas são de que o atleta sofreu uma parada cardiorespiratória enquanto dormia.

Confira a declaração completa de Daniel Alves:

“Envio um caloroso abraço aos familiares por essa perda. Mas eu tenho pensamentos sobre a vida, e penso que estamos aqui para uma missão. E uma vez que cumprimos aqui, vamos para outro lugar. Penso que quando se completa a missão nesse mundo caótico, vamos para um mundo melhor que esse. Mas penso que no mundo morre milhares de crianças por outros problemas e não tem tanta repercussão, mas que são tão importantes quanto. Estamos aqui de passagem, e quando chega nossa hora, iremos. Sinto muito pela família dele, que certamente perdeu um ente muito querido. Mas para nós que estamos longe dele, sentimos por um companheiro de trabalho, mas certamente menos que seus familiares”

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Pensar Contemporâneo
Um espaço destinado a registrar e difundir o pensar dos nossos dias.

COMENTÁRIOS