O habitat natural dos ursos polares é amplamente conhecido como o Ártico – a parte mais setentrional do globo. São animais totalmente selvagens. É exatamente isso que torna a série de fotos apresentada neste post tão única. O fotógrafo russo Dmitry Kokh conseguiu capturar ursos polares em uma estação meteorológica abandonada na ilha Kolyuchin, no mar de Chukchi. Este mar está localizado entre o leste da Rússia e o Alasca.

A fotografia acima foi apresentada em uma competição realizada por uma revista chamada “Russia’s Wildlife”. Ela retrata perfeitamente as relações entre a vida selvagem e os ambientes criados pelo homem, particularmente os abandonados que são recuperados pela natureza.

Esta estação meteorológica foi inaugurada em 1934, apenas para ser abandonada em 1992. Como ele conseguiu produzir essas fotos? Curiosamente, ele partiu em uma expedição para capturar fotos de ursos polares, pois eles são um interesse especial dele. Mas ele não esperava ver nenhum até chegar à ilha Wrangel, localizada ao norte do mar de Chukchi. Esta ilha é o lar de muitos ursos polares, então as chances de encontrar um são altas. Os ursos polares não deixaram Kokh esperando…

O que torna esta série de fotos verdadeiramente notável é a calma dos ursos. O tempo congelou na estação meteorológica em 1992, o dia em que foi abandonada para sempre. Aparentemente caiu fora do tempo. Os ursos parecem à vontade na frente da lente da câmera de Kokh, quase como se tivessem vivido nesta cabana a vida inteira.

RECOMENDAMOS







Um espaço destinado a registrar e difundir o pensar dos nossos dias.