Você sabia que 7,5 bilhões de pessoas vivem em nosso planeta hoje e o número continua crescendo? É um número impressionante, mas considerando que muitos indivíduos estão vivendo em nosso planeta, você já se perguntou quantas pessoas viveram e morreram aqui desde o início de nossa espécie?

Embora seja impossível calcular com precisão esse número, existe um número baseado em uma série de variáveis ​​estatísticas comprovadas . Para chegar a esse número, temos que considerar aqueles que habitavam nosso planeta desde o ano 8.000 aC.

Crescimento e mudanças: quantas pessoas morreram na Terra?

Nós sabemos quantas pessoas vivem na Terra hoje, mas quantas morreram ao longo dos anos no planeta durante a história da raça humana? No ano 8 mil a.EC, estima-se que a população era de cinco milhões com uma taxa de natalidade de 80 bebês por 1000 habitantes.

Chegando ao ano 1 da Era Comum, a população aumentou 300 milhões, com um crescimento de 0,051% ao ano. É importante notar que na pré-história a média de longevidade era muito baixa, pois poucos conseguiam superar a primeira infância.

No ano 1200 dC, a população subia para 450 milhões e em 1650 conseguiu aumentar para 500 milhões, embora se deva considerar que a peste negra do século 14 matou cerca de 85 milhões de habitantes do planeta, inclusive na Europa, Ásia e na África.

Chegando ao século XX, vemos um tremendo aumento da população passando de 1,6 bilhão, graças ao crescente número de pessoas que sobreviveram à infância devido aos avanços na saúde e assim poderiam se reproduzir quando atingissem a idade adulta, número que continuou a crescer até atingir a atuais 7,5 bilhões.

Considerando quantas pessoas a Terra teve em diferentes períodos e as condições que tiveram para lidar com uma taxa baixa e crescente de longevidade, Carl Haub, um especialista em demografia do Population Reference Bureau estima que da população total que habita o planeta, 6,94 por cento disso está viva hoje.

Se considerarmos que os especialistas indicam que entre o ano 8 mil e hoje 108 bilhões de pessoas nasceram, quase 101, 088 bilhões do total de habitantes da Terra morreram. Um número que parece muito alto, mas não é tanto se considerarmos as previsões futuras.

Em 2056 , com base em dados das Nações Unidas, a Terra alcançará a impressionante cifra de 10 bilhões de pessoas, o que seria o dobro do que era apenas 69 anos antes, em 1987.

Em algum ponto, devemos nos perguntar quantas pessoas poderiam realmente viver aqui na Terra. O tamanho que a população eventualmente terá, tudo depende de quantos anos restam ao nosso planeta desde que o produto do aquecimento global, pandemias, guerras e ameaças atômicas possam alterar drasticamente nossa civilização.

Adaptado de Vix

RECOMENDAMOS







Um espaço destinado a registrar e difundir o pensar dos nossos dias.