O Canadá está avançando para ajudar a proteger a vida marinha.

A Câmara dos Comuns do país aprovou uma lei que torna ilegal manter uma baleia, golfinho ou boto em cativeiro.

De acordo com a CNN, o projeto Bill S-203 , apelidado de “Free Willy” após o icônico filme de 1993 que retratou um menino libertando uma baleia Orca de um parque de diversões, se aplica àqueles que possuem ou têm custódia ou controle de um cetáceo em cativeiro. Pessoas que criam ou impregnam um cetáceo ou possuem / procuram obter material reprodutivo de cetáceos, incluindo espermatozoides ou embriões, também foram incluídas no projeto.

Organizações canadenses de defesa dos direitos dos animais elogiaram a aprovação do projeto nas mídias sociais.

O Partido Verde do país comemorou na segunda-feira, escrevendo : “Esses mamíferos inteligentes e sociais vão agora morar onde eles pertencem – no oceano”.

Os infratores podem ser multados em até US $ 200.000.

.

Nos Estados Unidos, as conversas sobre cativeiro de baleias e golfinhos têm se centrado principalmente na cadeia de parques temáticos do SeaWorld. Em 2013, o documentário Blackfish estreou, argumentando que as condições de cativeiro (pequenas gaiolas, perto de outras baleias, treinamento de desempenho) fizeram com que uma baleia chamada Tilikum contribuísse para a morte de três humanos.

Depois desse documentário, em 2016, o SeaWord anunciou o fim do seu programa de criação de orcas em cativeiro. Novas orcas só serão introduzidas nos parques se forem resgatadas da natureza e não forem saudáveis o suficiente para serem devolvidas ao oceano. Em todos os parques do SeaWorld, agora existem apenas 20 orcas que permanecem em cativeiro.

Não há planos para liberar essas baleias, a maioria das quais passou a vida em cativeiro, em santuários marítimos – uma alternativa pela qual vários grupos de bem-estar animal fizeram campanha.

Em 2016, o SeaWorld também anunciou planos para parar as partes de suas performances de orca que incluíam beijar, dançar ou posar, e planos adicionais para eliminar completamente os shows de orca.

O Plástico

O primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, anunciou na segunda-feira que o país vai proibir plásticos de uso único, como bolsas e canudos, já em 2021, segundo a The Associated Press .

Os itens específicos a serem banidos serão determinados com base em uma revisão científica, disse Trudeau.

O Canadá se inspirou na decisão da União Européia em março de impor a proibição de plásticos de uso único para combater a poluição em cursos d’água e campos, disse Trudeau.

“Muitos outros países estão fazendo isso e o Canadá será um deles”, disse Trudeau. “Este é um grande passo, mas sabemos que podemos fazer isso em 2021.”

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Pensar Contemporâneo
Um espaço destinado a registrar e difundir o pensar dos nossos dias.