Uma tragédia no último sábado (20): por engano e descuido, um homem confundiu água com álcool, causando um acidente fatal que tirou a vida de sua esposa em Americana, no interior paulista.

A vítima de queimaduras gravíssimas foi identificada como Tassia Caroline Pacheco Leão, de 36 anos. Ela estava grávida de 26 semanas e teria seu segundo filho. estava com 26 semanas de gestação do seu segundo filho. O caso aconteceu em Ameri

Segundo a Polícia Militar, o incêndio ocorreu no dia 12 de agosto, depois que Tassia pediu água ao esposo, Warley Leão, enquanto cozinhava.

No B.O. consta que o homem, por engano, colocou álcool em uma panela que estava no fogão no lugar de água – ocasionando uma explosão que incendiou todo o apartamento do casal.

Tassia foi internada às pressas, com queimaduras em todo o corpo. Infelizmente, seu bebê morreu na manhã seguinte (13), enquanto a mãe partiu no sábado (20), na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Municipal “Dr. Waldemar Tebaldi”.

Já Warley teve 60% do corpo queimado. No sábado (12), ele foi transferido para o Hospital Irmãos Penteado de Campinas (SP), uma unidade referência em tratamento de queimaduras, onde permanece internado.

A filha primogênita do casal, de apenas 6 anos, foi socorrida e levada ao Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi com queimaduras no lábio. Ela se recupera bem e não precisou ser internada.

Fonte: Pais & Filhos

RECOMENDAMOS