Um morador festeiro dos prédios conhecidos como ‘Torres Gêmeas’, em Recife, foi multado em R$ 2 mil pelo síndico, por promover um evento. Alvo de diversas reclamações dos vizinhos, ele depositou R$ 20 mil, afirmando ter deixado “crédito para as próximas [festas]”. A informação foi compartilhada por um morador, em um comentário nas redes sociais.

As reclamações dos vizinhos têm sido postadas, inclusive, nas redes sociais. Eles afirmam que o morador costuma promover festas barulhentas, ocasionando a perturbação do sossego público, visto que os eventos se estendem pela madrugada e abusam de música alta. O prédio residencial está dentre os imóveis mais caros da capital pernambucana.

Segundo um post feito nas redes sociais, o morador foi multado em R$ 2 mil pelo síndico, mas pagou R$ 20 mil para servir como crédito para futuras punições.

Entretanto, as informações do caso não foram esclarecidas. Em relatos, dois moradores do prédio garantiram ao jornal O Globo que as imagens de mulheres seminuas divulgadas na Internet não correspondem ao prédio famoso no Recife. Enquanto isso, apenas um familiar de um morador relatou que os proprietários não devem se pronunciar, já que o caso envolve pessoas influentes.

Uma mensagem de voz de um suposto morador viralizou no Twitter, relatando que muitos vizinhos estariam indignados com o caso por conta do barulho e da presença de pessoas “suspeitas” nas imediações do local.

Até o momento, o síndico do prédio em questão não foi localizado para confirmar a informação sobre a multa. Para o advogado Célio Avelino, que mora no condomínio há 10 anos, a informação é falsa.

Via Conti Outra

RECOMENDAMOS







Um espaço destinado a registrar e difundir o pensar dos nossos dias.